Treinar em jejum




“É possível fazer exercícios em jejum?”. ⠀

Nossa, nem sei quantas vezes já me perguntaram isso, mas confesso que é um assunto que adoro! A maioria das pessoas tem a ilusão de que o alimento que consumiram AGORA é o que vai lhes dar energia e, portanto, é impossível se exercitar sem comer. Só que isso está bem longe de ser verdade. Primeiro de tudo, vamos entender o que acontece quando comemos?⠀

Bem, quando comemos a insulina (hormônio responsável por tirar o açúcar do sangue) sobe sinalizando ao corpo para usar parte dessa energia alimentar imediatamente e o restante é armazenado como açúcar (glicogênio no fígado). Uma vez que os estoques de glicogênio estão cheios, o fígado começa a fabricar gordura (lipogênese). A proteína da dieta é dividida em aminoácidos onde parte é usada para reparar proteínas, mas o excesso de aminoácidos é transformado em glicose. ⠀

Então a gordura dietética é absorvida diretamente pelos intestinos e não sofre nenhuma transformação adicional, sendo então armazenada como gordura. A principal ação da insulina é inibir a lipólise, ou seja, ela impede que a gordura seja quebrada e usada como energia. E o que isso significa? Que você possui uma reserva de energia (a gordura da geladeira, lembra?) mas ela NÃO será usada durante seu treino. ⠀

Por outro lado, quando seu corpo está adaptado a treinar sem comer os baixos níveis de insulina e altos níveis de adrenalina criados pelo jejum estimulam a lipólise do tecido adiposo (quebra da gordura) e a oxidação da gordura periférica, que significa a queima da gordura para obter energia.⠀

O corpo simplesmente muda da queima de açúcar para a queima de gordura!⠀


Para o “atleta” do dia a isso isso é incrível, pois ajuda a emagrecer, construir massa magra e principalmente fazer uma manutenção extraordinária da saúde. E para os atletas de resistência, aquele pessoal que corre maratonas, que pedala longas distâncias etc, o aumento na energia disponível é uma super vantagem, pois armazenamos muito mais mais energia na forma de gordura do que na forma de açúcar e isso ajuda muito quem precisa de energia por muitas horas.⠀

Pense nisso na próxima vez que for “se obrigar” a comer antes de treinar, muitas vezes sem fome alguma. Nosso corpo possui um estoque de energia, basta ensiná-lo a usar!

MAIS TEXTOS