Gordura faz mal para o cérebro?




Recentemente, foi publicado um estudo com título que sugere que a alimentação alta em gorduras pode ser prejudicial para o cérebro. O artigo afirma que os alimentos gordurosos, quando em excesso na dieta, podem promover inflamação na estrutura nervosa cerebral.⠀

Assim, questiona-se a forma como o título expressou a informação, já que alimentos ricos em gorduras podem ser desde um salmão até um Milk-shake.⠀

A pesquisa foi feita com ratos de laboratório, os quais foram submetidos a uma dieta para engordar com o objetivo de avaliar a associação de marcadores de inflamação cerebral com o ganho de peso. Assim, a dieta dita rica em gorduras utilizada no experimento continha: 177g de banha e 25g de óleo de soja, além de 176g de sacarose (açúcar granulado), 100g de maltodextrina e 72g de amido de milho. Isso nos mostra que a dieta continha MUITO mais carboidratos que gorduras.⠀

O artigo tem conclusões ineficazes e pode causar muita confusão com a afirmação feita no título. Além do equívoco em relação aos componentes da dieta, as gorduras não têm efeitos similares no cérebro do roedor e do mamífero, o que torna o artigo ainda mais questionável. Ademais, alimentos ricos em gorduras podem ser desde um salmão até um Milk-shake, o que mostra que o título é pouco verossímil com relação ao conteúdo apresentado.⠀

Mais uma vez reconhecemos a importância de nos manter sempre críticos e atentos sobre todas as informações que chegam até nós. A gordura foi colocada como a vilã da situação, sendo que não é bem assim... Pelo contrário, alimentos ricos em gorduras, quando escolhidos da forma e na situação certa, podem ser muito benéficos!⠀

MAIS TEXTOS