Do excesso de peso à obesidade




O Ministério da Saúde divulgou recentemente que, nos últimos 10 anos, o número de obesos no Brasil é de quase 20% da população e há, ainda, mais de 50% de pessoas com excesso de peso. Esses números são altos e podem acarretar em problemas de saúde ainda mais graves.

Além de ser uma doença, a obesidade é fator de risco para várias outras, como hipertensão, doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2 e outras.

O problema tem causas multifatoriais, entre as mais comuns estão fatores genéticos e emocionais, estilo de vida e disfunções endócrinas. Por isso, a solução também depende de alternativas distintas, em alguns casos, com equipes multidisciplinares, com endocrinologista, educador físico, nutricionista e psicólogo.

O mais importante é conhecer seu próprio corpo e buscar opções saudáveis, tanto na alimentação, quanto no que diz respeito ao sono e prática de atividades físicas. Converse com seu endocrinologista e ele te ajudará nessa descoberta do que é melhor para você.

MAIS TEXTOS