Consumo de ovos é sinônimo de colesterol alto?




Será que o consumo de ovos é sinônimo de colesterol alto?? 🤔🍳 Em um artigo publicado em 1991 pelo Jornal de Medicina New England, o caso de um paciente de 88 anos que comia 25 ovos por dia e apresentava NÍVEIS NORMAIS DE COLESTEROL no sangue, chamou a atenção. ARRASTE PARA O LADO PARA LER 👉


O artigo afirma que o colesterol aumenta o LDL. Mas, reforça a ideia de que isso pode variar muito entre pessoas diferentes. Essa variação, de acordo com o artigo, se deve a absorção e biossíntese de colesterol, atividade de receptores de LDL, secreção e conversão de LDL na bile.


Os valores de colesterol do paciente do artigo eram:

- Colesterol total: 200mg/dL

- LDL: 142 mg/dL

- HDL: 45mg/dL


O paciente absorvia apenas 18% do colesterol da dieta (isso é comum entre a maioria das pessoas, a maior parte do colesterol plasmático é produzido pelo fígado). Além disso, a quantidade do seu colesterol liberada na bile era bem acima do usual e a produção de LDL pequena para a quantidade de colesterol ingerido.


Após 88 anos consumindo essa quantidade de ovos diariamente, o homem não apresentava nenhum sinal de aterosclerose ou de doença cardiovascular.


O metabolismo do colesterol pode ser muito variável em cada indivíduo e diante desse complexo funcionamento reforça-se a ideia de que uma dieta rica em colesterol pode não trazer implicações e riscos relevantes.


Consulte o seu médico e não caia na ideia de que o colesterol é SEMPRE prejudicial, isso NÃO é verdade, pelo contrário!

MAIS TEXTOS