Como me libertei da enxaqueca




Eu tinha enxaqueca desde a minha adolescência e foi piorando ao longo dos anos. Eu tomava anticoncepcional e em 2010 mais ou menos, as crises ficaram mais graves e fui várias vezes para o hospital. O uso de anticoncepcional com estrogênio é contra-indicado para quem tem enxaqueca com aura (risco de AVC). Eu tinha enxaqueca com aura (antes da dor, tinha alterações visuais, enxergava um caleidoscópio prateado, tinha náuseas e fotofobia -sensibilidade à luz) e a dor era muito forte, de chorar (mas se chorasse piorava). Eu tomava todas as medicações possíveis e não funcionava na maioria das vezes, mas quando funcionava eu ficava com uma ressaca terrível.⠀

Depois que comecei a dieta cetogênica, por motivos que já contei pra vocês e que não incluem enxaqueca, nunca mais tive uma crise de enxaqueca e não precisei mais tomar todas as medicações que tomava. Eu gastava meia caixa de Neosaldina e 1 de Naramig por semana, além do Sumax nasal e as medicações endovenosas que eu precisava pelo menos 1 vez ao mês. Há anos não compro NENHUMA DELAS MAIS. ⠀

É importante reforçar que isso foi o que funcionou PRA MIM! Para quem não sabe, a dieta cetogênica tem propriedade anti-inflamatória, ou seja, os corpos cetônicos são agentes que ajudam a combater a inflamação. Eu tinha uma intolerância não celíaca ao glúten e, com a retirada do mesmo, fez a maior diferença na minha vida⠀

A dieta cetogênica é anti-inflamatória, principalmente no sistema nervoso central. Fiz uso também de curcumina e de DHA em doses mais altas, que podem ajudar muito!⠀

Ahh e detalhe: a cúrcuma é um excelente aliado para melhorar a enxaqueca! Vou fazer um post sobre isso, fique atento 😉⠀

MAIS TEXTOS